Networking e relacionamentos de valor

14 outubro, 2020 |

5

Você já votou neste post

Onde ouvir também:

Por trás de um bom networking existem muitas práticas. O convidado deste episódio, Alexandre Caldini aborda os conceitos de networking e notworking, e a essência para a construção de uma rede de relacionamentos de saudável e de valor, em uma conversa super leve com a apresentadora Izabella Camargo. Dê um play e aprenda tudo sobre o assunto!

Criar relações no trabalho é importante e traz muitos benefícios tanto para empregadores quanto para colaboradores. Essas relações de contatos são chamadas de Networking.

O emprego não serve apenas para realizar suas tarefas e voltar no outro dia. No cotidiano de trabalho, criar uma relação de proximidade com colegas é fundamental para a saúde emocional e empresarial.

Nessas relações compartilhadas com empresas e colaboradores, você cria o famoso “contato”. Através dele, é possível receber ajuda dentro da empresa e até mesmo fora dela. Mas também existe o Notworking que é totalmente o contrário disso.

Para as empresas, é uma ótima oportunidade de fechar negócios, parcerias e criar contatos; já para o empregado, amizades e futuras oportunidades de crescimento pessoal e profissional.

O que é Notworking?

Notworking é quando as relações interpessoais são feitas apenas por puro interesse, se aproveitando da boa vontade e situações sem que haja uma construção de confiança ao longo do caminho. Ou seja, é tudo o que não funciona no Netwoking.

Para Alexandre Caldini, convidado deste episódio do Zencast, muitas pessoas apostam no Networking como a única forma de alcançar sucesso, mas não é assim.

Ele diz que começamos a fazer contato com as pessoas desde pequenos. Seja na troca de mensagem com amigos, família e em relacionamento. Com o tempo, essas relações se tornam sólidas e com ajuda mútua, os objetivos pessoais e até mesmo profissionais podem ser alcançados. 

Estar a todo momento focado em conseguir sucesso do dia pra noite ou firmando contatos apenas para autopromoção, não é um caminho para o sucesso.

Como realizar um Networking de sucesso

É importante ter em mente que para realizar um Networking de sucesso, o foco principal não deve ser apenas o interesse na troca de favores, autopromoção ou negócios. Toda relação requer tempo e confiança e na prática, esses fatores principais não devem ser diferentes.

Ir a eventos, entrar em contato com pessoas focando apenas no objetivo em si não é recomendado. Nenhuma relação de confiança se constrói do dia pra noite.

Para Max Gehringer:

Networking não é uma questão de urgência, mas de paciência.

Então, entrar em contato com gestores ou empresas com intimidade sem ao menos conhecer mais sobre sua trajetória, pode ser visto como puro interesse e nem sempre, o seu objetivo pode ser alcançado por conta disso.

8 Dicas para fazer Networking

  1. Não há momento certo para fazer Networking;
  2. Mantenha sempre a relação com os colegas aquecida;
  3. Não busque ajuda apenas quando você precisa;
  4. Networking se constrói com o tempo;
  5. Não crie uma proximidade exagerada;
  6. Tenha sempre bom senso, educação, delicadeza ao tratar com outras pessoas;
  7. “Uma mão lava a outra” – ajude para ser ajudado também.
  8. Networking não é construído apenas em momentos de desespero.

Essas dicas você encontra no livro Networking Versus Notworking de Alexandre Caldini.

Por fim, lembre-se que toda relação requer reciprocidade e o mesmo vale para Networking. Se você tem um objetivo profissional definido, não deixe para buscar ajuda, se conectar com outras pessoas apenas quando precisa. 

Ofereça auxílio sem esperar nada em troca e aguarde os resultados. 

Para entender mais sobre o assunto, ouça esse episódio do Zencast que está imperdível.

Bom Networking!

Convidado

Alexandre Caldini

Escritor e palestrante nas áreas de espiritualidade, inteligência emocional e networking profissional.

Mostrar comentários

Deixe seu comentário

13524