Como superar uma traição de fato não é algo simples, pois vários aspectos precisam ser analisados.

Por vezes, a traição foi um deslize momentâneo que não comprometeu sentimentos que estruturam uma relação a dois como, por exemplo:

  • Amor
  • Desejo
  • Cumplicidade 
  • Parceria

Por outro lado, em outras ocasiões, a traição realmente sinaliza que o relacionamento não é mais saudável e que cada um viverá melhor com a separação.

A Zenklub consultou nossa equipe de especialistas em saúde mental para elucidar as respostas para algumas perguntas: 

  • Como superar uma traição? É realmente possível voltar a confiar no cônjuge? 
  • O que diz a psicologia sobre como superar a traição?
  • Como superar uma traição no casamento é diferente quando se está em um outro relacionamento?

Vamos ver!

O que fazer depois de descobrir uma traição?

Depois da descoberta de uma traição, as emoções tendem a ficarem exaltadas. Talvez, o momento ideal para tomar a decisão se a traição tem perdão não é logo depois dela ser conhecida.

Aqui estão algumas dicas interessantes que podem ser seguidas logo após descobrir a traição.

1) Basear em fatos concretos

Como foi dito, ao reagir emocionalmente começa-se a fazer várias conjecturas sobre o ato da traição.

Assim, é possível que a autoestima de quem sofreu a traição caia, pois pode se pensar que a causa da traição está relacionada com sua autoimagem.

Ou seja, por vezes, fica-se perguntando os motivos pelos quais houve a traição.

Segundo o estudo do psicólogo Thiago Almeida, pesquisador da Universidade de São Paulo, alguns dos motivos mais comuns para a traição são:

  • Vingança/retaliação
  • Prazer/fantasia
  • Desespero
  • Efeito novidade (pensar que o que é novo, é necessariamente melhor)
  • Carências (físicas, psíquicas ou emocionais)
  • Traumas do passado
  • Pretexto para encerrar o relacionamento
  • Busca do aumento da autoestima (relacionar-se com pessoas mais jovens)

Nesse sentido, o que recomendam os especialistas é que haja um diálogo entre o casal, em tom de respeito, a fim de buscar entender os porquês da traição.

Como perdoar uma traição envolve esforço no sentido de analisar racionalmente o que houve por trás do ato em si.

Por exemplo, observar se há alguns sinais de arrependimento de uma traição poderá ajudar a direcionar sua decisão de voltar a confiar ou não.

2) Confie na sua decisão

Embora nesse momento tão delicado, em que se busca saber como superar uma traição e se vale a pena voltar a confiar em um relacionamento, haja pessoas oferecendo suas opiniões a respeito do que você deve fazer, o mais adequado é que você saiba filtrar bem sobre isso.

Afinal, a busca por encontrar aquilo que é melhor para você precisa ser, acima de tudo, pessoal. 

Segundo algumas vertentes da psicologia, como superar uma traição envolve escolher uma assembleia de vozes, isto é, pessoas nas quais você considerará as opiniões para saber se a melhor opção é voltar a confiar e continuar o relacionamento ou não.

3) Considere a fase do relacionamento

Sem dúvidas, cada momento da relação envolve um grau de ponderação se vale a pena perdoar uma traição e voltar a confiar na pessoa amada ou não.

Por exemplo, superar uma traição no casamento que tenha gerado filhos é diferente de superar no início de um relacionamento. Nesse sentido, é plenamente possível perdoar a traição e salvar um casamento, vivendo feliz com a pessoa amada. 

No entanto, de acordo com a psicologia, caso os pais decidam se separar após uma traição, é importante esclarecer aos filhos que eles não serão abandonados e que tanto o pai como a mãe estarão presentes, mesmo que em momentos diferentes.

Por outro lado, em um namoro, por exemplo, a traição pode significar que o outro não está realmente comprometido em construir um relacionamento mais sólido. Vale refletir sobre isso tudo após uma traição…

4) Dê tempo ao tempo

Como superar uma traição e voltar a confiar no outro leva tempo, principalmente no casamento em que a cumplicidade tende a ser maior.

Por isso, não se deixe levar por eventuais pressões que surjam para tomar decisões rápidas, a fim de continuar ou não o relacionamento.

Ao descobrir a traição, busque fazer um balanço com calma do relacionamento a fim de verificar os pontos bons e aqueles que necessitam de ajustes para então decidir se vale a pena voltar a confiar no outro.

5) Não use o perdão como moeda de troca

Perdoar genuinamente a pessoa que traiu é desafiador, pois na traição há um rompimento da confiança.

No entanto, a parte que decide perdoar a traição e retomar o relacionamento precisa ter muito cuidado para não usar esse ato como moeda de troca.

Ou seja, não se deve usar o perdão como um pretexto para controlar a pessoa que traiu, impedindo-a de ser quem ela é.

Os profissionais da psicologia alertam para que se reflita muito bem antes de oferecer o perdão a fim que ele seja genuíno e mostre disponibilidade para acolher a outra parte mesmo diante do erro passado.

6) Busque terapia

A busca por auxílio psicológico é importantíssima para realmente superar uma traição, pois um especialista em saúde mental ajudará a esclarecer possíveis pensamentos que estejam passando na mente de quem sofre, inserindo-a na realidade.

Assim, após uma análise individualizada, a pessoa que sofreu a traição pouco a pouco compreenderá bem qual a melhor decisão a ser tomada, de acordo com a vida que se deseja seguir.

Como curar o trauma de uma traição?

Se você já passou por uma traição e está neste momento em dúvida se você deve entrar ou não em um novo relacionamento, trouxemos dicas de uma psicóloga para te ajudar.

De fato, sofrer traição uma causa, entre outros sentimentos:

  • Sofrimento
  • Angústia
  • Mágoa 
  • Muita revolta.

Mas saiba que é 100% possível dar a volta por cima nisso tudo. Confira essa dica…

Dica da especialista

Segundo a psicóloga Izabel Failde, é completamente possível voltar a construir relacionamentos saudáveis e duradouros com outras pessoas, mesmo depois de uma traição.

De acordo com a profissional, a ferida causada pelo ato da traição demora um tempo para cicatrizar, pois a pessoa traída passa pelas 5 fases do luto que são, na seguinte ordem:

  • Negação
  • Raiva
  • Barganha/negociação
  • Depressão
  • Aceitação.

A partir do momento que se aceita a traição, a psicóloga orienta que as pessoas traídas busquem evitar remoer o ato em sua mente, tendo a clareza de que isso não só é ineficaz mas também que pode atrapalhar o florescimento de novos relacionamentos.

E aí, como dar a volta por cima de vez após uma traição?

Compreender como superar uma traição é uma barra que faz parte da vida de muita gente. Para se recuperar adequadamente não só de uma traição, mas de qualquer situação que envolva sofrimento psíquico intenso é importante buscar atendimento especializado.

A própria traição pode deflagrar transtornos como ansiedade e depressão que são tratados por uma equipe multidisciplinar que envolve psicólogos e outros profissionais da saúde mental.

Através da Zenklub você conta com o atendimento online de mais de 5000 profissionais da saúde mental, entre eles terapeutas, psicólogos, psicanalistas e coaches, que podem te ajudar não só a superar de vez uma traição mas viver uma vida mais leve e feliz!

Clique aqui e conheça nossos profissionais.

Este artigo foi útil?

Você já votou neste post

Publicado por:

Zenklub

Publicado por:

Zenklub