Todo mundo tem sonhos, porém dar o primeiro passo para realizá-los pode ser difícil, sair da zona de conforto por vezes é penoso de mais. Você já se perguntou quantos desejos não se concretizaram porque você achou que era muito difícil? Ficou desanimado e acabou simplesmente “deixando pra lá.”

A definição de zona de conforto é: uma série de ações, pensamentos e comportamentos que uma pessoa está acostumada a ter e que não causam nenhum tipo de medo, ansiedade ou risco. É uma região onde nenhum indivíduo se sente ameaçado.

Começar algo novo gera expectativas e por vezes medo frente ao desconhecido, o que é normal desde que tais sentimentos e pensamentos não façam você desistir de todo o novo desafio. Há tempos escrevi sobre a atitude de “aceitar, agradecer e confiar” e como devemos encarar os novos desafios, pois a novidade pode ser muito benéfica na nossa vida. Por outro lado, o tédio pode ser avassalador!

A frase de Neale Donald Walsch resume bem: “A vida começa onde a zona de conforto termina.” Por isso, quero deixar 10 dicas para encorajar você a sair da sua zona de conforto, e ir em busca dos seus sonhos:

  1. Faça um check-list. Quando você põe no papel fica tudo mais concreto, sai do nosso subjetivo e visualizamos com mais clareza
  2. Uma meta de cada vez
  3. Siga da mais simples para as mais complexas
  4. Seja honesto consigo ao perceber suas dificuldades
  5. Busque ajuda. “A união faz a força”
  6. Mire no alvo mas mude a rota se julgar necessário
  7. Tente mais uma vez. Não desista
  8. Foque no positivo e celebre cada desafio vencido, você merece! Isso significa que você avançou e assim está cada vez mais perto do seu objetivo final
  9. Estabeleça prazos, pensar “um dia quem sabe” ou “ algum dia chego lá” é muito vago para nosso cérebro, muito indefinido
  10. Aproveita a jornada. Não é apenas alcançar a meta que deve dar prazer. O caminho até lá chegar é tão importante quanto o destino.

O caminho deve ser desfrutado e certamente será onde mais se vai aprender. Ter a mente aberta é essencial para conseguirmos explorar todo o nosso ser e conseguirmos rever conceitos e prioridades que tínhamos estabelecidas, mas que talvez já não sejam tão relevantes. Uma coisa é certa, só não vale ficar parado!

Na zona de conforto as pessoas se contentam com pouco e aqueles que ficam lá acabam-se vendendo por migalhas. Corra atrás da vida e sinta-se realizado. Deixo mais uma frase para sua reflexão “vi os sonhos se prostituindo na zona de conforto” – Zack Magiezi”.

Comece hoje mesmo!

Este artigo foi útil?

3

Você já votou neste post

Publicado por:

Zenklub

Publicado por:

Zenklub